Lacunas de conhecimento em adaptação às mudanças climáticas. Relatório Diagnóstico Brasil

COMPARTILHE

Este estudo constitui a primeira etapa do projeto LatinoAdapta e tem por objetivo apresentar um diagnóstico das lacunas de informação que dificultam a elaboração e implementação de políticas e ações em adaptação no Brasil. Para tanto, foram realizados questionários e entrevistas, além de uma reunião presencial com importantes atores governamentais dos âmbitos federal, estadual e municipal.

Os resultados encontrados foram bem alinhados e complementares, e indicam, principalmente, que a maior deficiência não reside na produção de conhecimento, mas em sua disseminação, aplicação e uso apropriados. Especificamente no que se refere à falta de informações, destacam-se (i) a necessidade de aprofundamento e refinamento dos estudos de impactos e vulnerabilidades, (ii) a criação de parâmetros e indicadores que promovam um melhor direcionamento para a elaboração de políticas e (iii) a projeção de diferentes cenários climáticos futuros, capazes de indicar alternativas aos tomadores de decisão, de modo que as ações tomadas para adaptação estejam integradas ao desenvolvimento local e gerem benefícios independentemente das mudanças climáticas.

Acesso à publicação

 

Os Diagnósticos Nacionais, foram realizados no âmbito do projeto "LatinoAdapta: Fortalecendo vínculos entre a ciência e governos para o desenvolvimento de políticas públicas na América Latina", executado pelo Centro Regional em Mudança Climática e Tomada de Decisões, liderado pela Fundação Avina e financiado pelo Centro Internacional de Investigações para o Desenvolvimento (IDRC) do Canadá. Acesse os relatórios dos outros países:

Diagnóstico Argentina

Diagnóstico Chile

Diagnóstico Costa Rica

Diagnóstico Paraguay

Diagnóstico Uruguay